MINISTRO DO INTERIOR RECOMENDA ADOPÇÃO DE PLANO ESTRATÉGICO DE PREVENÇÃO E GESTÃO DE RISCOS PARA ASSEGURAMENTO DAS ELEIÇÕES GERAIS DE 2022

17/11/2021 || 06:53:11


O Ministro do Interior, Eugênio César Laborinho recomendou, hoje, em Luanda, a adopção de um Plano Estratégico de Prevenção e Gestão de Riscos para o Asseguramento das Eleições Gerais de 2022, de modo a assegurar que o pleito eleitoral decorra num clima de paz, segurança e tranquilidade em todo território nacional.

Eugênio Laborinho, que discursava durante o acto de abertura da 1ª Reunião Ordinária do Conselho Superior de Polícia encorajou aos efectivos a manterem-se firmes, determinados e com espírito de unidade, disciplina e patriotismo nas acções de manutenção da Ordem e Tranquilidade Públicas, assim como, no asseguramento das eleições que se avizinham. 

Falando sobre a actividade das empresas de segurança privada, o número 1 do Minint orientou ainda  a troca de  armas de guerra em posse das mesmas e do sistema de auto-proteção por armas de defesa, permitidas por lei.

 “Recomendo que este processo seja bem organizado e controlado, para evitar que as armas recolhidas sejam utilizadas para o cometimento de crimes”,  frisou  Eugênio Laborinho.

O Ministro aconselhou ainda  a reflexão sobre o fenómeno do uso inadequado das redes sociais, consubstanciado na partilha de textos, imagens, vídeos e áudios falsos ou manipulados, que atentam a imagem e o bom nome das instituições, dos efectivos e do cidadão em geral.